Vida Longa aos Muppets!

MUPPETS MOST WANTED

Em 1955, tem início a Guerra do Vietnã. Elvis Presley fazia sua primeira aparição na TV. O dramaturgo norte-americano Tennesse Williams ganhava o prêmio Pulitzer por Gata em Teto de Zinco Quente. Os Estados Unidos e a ex-União Soviética faziam testes nucleares. O Pacto de Varsória era assinado pelos países socialistas do Leste Europeu e pela União Soviética para formar uma aliança militar. Morria o fisíco alemão Albert Einstein. Nos Estados Unidos, morria a atriz e cantora luso-brasileira Carmem Miranda. Morria, em um acidente automobilistico, o ator James Dean, com apenas 24 anos de idade. O livro Guinness dos Recordes tem sua primeira publicação. Juscelino Kubitschek é eleito presidente do Brasil. Neste mesmo ano, Jim Henson cria o grupo de marionetes conhecido como Muppets. Ainda neste mesmo período, os Muppets fazem sua primeira aparição na TV, no programa Sam and Friends, também criado por Jim Henson e sua mulher Jane Henson.

Já no início dos anos 60, Rowlf, o Cão, torna-se a primeira grande estrela do grupo, se apresentando como convidado em um dos quadros do programa do cantor country Jimmy Dean em The Jimmy Dean Show. No final da década de 60, os Muppets foram convidados para integrarem o elenco de um programa de televisão educacional para crianças, chamado Sesame Street, também criado por Jim Henson. O programa fez tanto sucesso que ganhou versões em diversos países. No Brasil, ficou conhecido como Vila Sésamo. Em 1976, Os Muppets ganham o seu programa televisivo The Muppets Show, onde recebiam convidados ilutstres como: os cantores Elton John e Jonnhy Cash, os atores Peter Sellers, Sylvester Stallone e Roger Moore, o bailarino russo Rudolf Nureyev, a atriz e cantora Liza Minnelli, o trompetista, cantor e compositor de Jazz Dizzy Gillespie entre tantos outros. O progama permaneceu por cinco temporadas na TV americana.

Com o sucesso do programa seria a vez do grupo estrelar seu primeiro filme nos cinemas. Em 1979, é lançado Muppets, O Filme, The Muppet Movie com participações especiais de peso entre elas Steve Martin, Richard Pryor e ninguém menos que Orson Welles. O grupo de marionetes tinha alcançado o cinema e com estilo. Depois deste, outros oito filmes vieram. E agora, quase 60 anos após sua criação, o grupo está de volta aos cinemas com seu mais recente trabalho Os Muppets 2: Procurados e Amados, Muppets Most Wanted (2014), continuação de Os Muppets, The Muppets (2011). Nesta nova aventura Kermit, Miss Piggy e companhia estão em turnê mundial, lotando teatros grandiosos em alguns dos destinos europeus mais badalados, incluindo: Berlim, Madri, Dublin e Londres. Mas a confusão segue os Muppets quando eles se vêem envolvidos em uma criminosa trama internacional chefiada por Constantine — o Criminoso Número Um do Mundo e sósia de Kermit — e seu covarde capanga Dominic, codinome Número Dois. A direção ficou por conta do novato diretor em longas-metragens, o britânico James Bobin, que também assinou a direção do primeiro filme e tem em seu currículo somente trabalhos voltados para televisão como roteirista, produtor e diretor.

O filme, traz o humor habitual do grupo, sem pretensões de ser politicamente correto ou incorreto. Como de costume figuram no elenco grandes nomes nas participações especiais entre eles: Ray Liotta, Saoirse Ronan, Lady Gaga, Tony Bennett, Christoph Waltz, Stanley Tucci entre outros. Há de se notar também, que o grupo mantêm vivo os números musicais em seus trabalhos, gênero este que desapareceu há muito tempo das telas do cinema, ganhando certo fôlego no início dos anos 2000 com filmes como Moulin Rouge – O Amor em Vermelho, Moulin Rouge! (2001) e Chicago, Chicago (2002).

É incrivel como o sucesso de um grupo de marionetes consegue se manter em evidência por tanto tempo. Ainda mais no mundo de hoje, onde a Internet e os tecnologicamente avançados jogos de videogames com suas histórias cinematográficas, hipnotizam crianças, jovens e adultos. Talvez seja pelo carisma dos personagens ou pelas histórias leves que abrangem uma linguagem de fácil assimilação, direcionada, sem excessão, para um público de todas as faixas etárias. Ou poderia ser ainda, pelo simples fato de não utilizarem o humor como ferramenta para atacar determinados setores da sociedade, evitando dessa maneira, vulgarizar o conteúdo da obra com piadas que possam soar exageradas ou sem propósito.

A verdade é que os Muppets continuam encantando gerações. Os pais de hoje que levam os filhos para o cinema, foram os filhos há trinta, quarenta anos atrás. A longevidade do grupo de marionetes o transformou em ícone da cultura popular, sendo corriqueiramente visto em diversos tipos de midias, tais como: videogames, livros, revistas em quadrinhos, parques temáticos, séries para Internet, música, desenhos animados, entre outros. A aposentadoria dos Muppets parece estar longe de acontecer. Em 2004, a Disney adquiriu os direitos do grupo, e consequentemente, outros filmes virão e gerações futuras ainda poderão conhecer o famoso grupo de marionetes.

O filme, teve sua estréia simultânea na Europa e Estados Unidos, no penúltimo final de semana do mês de Março. Já o público brasileiro, terá que aguardar um pouco mais para conferir a nova aventura dos Muppets, que tem estréia prevista no país para o dia 15 de Maio.

(Pedro Giaquinto)

Anúncios

Leave a comment

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s